Bem vindo a Isegnet
HOME MAPA DO SITE PRIVACIDADE ADICIONAR AOS FAVORITOS
LOCALIZAR  
 
MENU PRINCIPAL
 Portal   Segurança do Trabalho   Metrologia   Qualidade Industrial   Meio Ambiente e Saúde   Qualidade de Vida  
Inicial
Institucional
Fale Conosco
Atendimento On-Line
3R Brasil Serviços Especializados
Cadeira Verde
Pequenas Empresas
CABEÇA ARTIFICIAL (na área de saúde e segurança do trabalho)
3R Brasil
Medição de Ruído
Campanhas parceiras
IsegTools
Produtos
Colunistas
Cursos
Links
Colunistas
A Busca por Novos Conceitos em Odontologia. - ()

Aquela piada do orgulho do dentista, que fez a primeira restauração no paciente e o acompanhou por toda a vida colocando-lhe também sua prótese total, deixa de ter graça na medida em que este modelo de atuação não mais satisfaz à profissão e, muito menos, à população.

A odontologia é uma profissão de saúde e a ciência avançou o suficiente para permitir que o ser humano possa viver em saúde, não é mais admissível insistir no modelo de trabalho com doença. O trabalho em promoção de saúde é comprovadamente o meio mais eficaz da prática odontológica. De que adiante realizar uma belíssima restauração, se o paciente apresentar placa patogênica e não aprendeu a controlá-la? Com a certeza de que à prevalência da doença cárie só poderá diminuir através de um plano profundo que evita sua aparição, fundou-se no Brasil, a ABOPREV (Associação Brasileira de Odontologia Preventiva).

Para abordarmos a prevenção da cárie dental, lógico se deve elucidar primeiramente os leitores sobre o que é esta doença, sua instalação no dente, sua evolução e finalmente os meios de que dispomos para sua prevenção e eliminação. A cárie dental é a destruição progressiva dos tecidos do dente (de fora para dentro), desde o esmalte. Quando não tratada, progride através da dentina, até alcançar a polpa dentária, onde se encontra o tecido nervoso do órgão dentário, produzindo fortes dores, inflamação e infeção que se alastrará até o osso de suporte do dente, originando lesões de difícil e cara eliminação através de delicado tratamento endodôntico. Esta destruição dos tecidos dentários (os mais duros do corpo humano) e peridentários se inicia pela desmineralização do dente produzida por certas bactérias (S. Mutans), que habitam o meio bucal e que, metabolizando os restos alimentares parados na superfície dos dentes (especialmente sacarose), produzem ácido, atacando e destruindo em pouco tempo o esmalte dentário.

Sabendo-se ainda que :

- O processo de formação da cárie pode ser paralisado na presença de flúor;
- O consumo de açúcar restritos as três principais refeições do dia reduz sensivelmente a incidência de cárie;
- A placa dental patogênica é a causa primária da cárie e sangramento gengival e esta pode ser controlada com técnicas de higienização bucal.


Conclui-se que: com o auxílio de flúor; uma simples modificação no padrão de ingestão de açúcar; e uma boa higienização bucal; pode-se, se não eliminar, pelo menos reduzir drasticamente a doença cárie na cavidade bucal, além de prevenir-se o sangramento gengival, halitose (mal hálito) e alguns problemas ortodônticos e fonoaudiológico. O objetivo hoje é difundir o conceito e a importância da prevenção e aliar-se a profissionais que já se conscientizaram dessa necessidade e vêem como uma nova oportunidade de prestação de serviço de qualidade aos seus pacientes, a par de um alcance verdadeiramente científico-social.


Voltar



3R BRASIL
Exemplos
Isegmetro
Isegtools
TRIA
© ISegNet - Todos os Direitos Reservados - Desenvolvido por U-Ideas